top of page
  • Foto do escritorSilvio Mates

Mentalismo de Hermes Trismegisto

O Todo é mente, o Universo é mental...

O Todo é mente, o Universo é mental...



O Princípio do Mentalismo é a primeira das Sete Leis Universais de Hermes Trismegisto. Os sete princípios herméticos reúnem as ideias associadas a Hermes Trismegisto, que teriam sido a matriz para a maioria das correntes religiosas que se espalharam a partir do Egito Antigo.

Para compreender o princípio do Mentalismo é necessário observar cada parte de sua frase. Ao usar o termo "TODO", a filosofia hermética faz referência a todo o universo, inclusive o que está além do que percebemos em nosso mundo material.

Existe a realidade que compreendemos com os nossos sentidos e existe a realidade oculta, substancial, que vai mais além de nossa compreensão básica e espectro observável. O "todo" engloba tanto aquilo que compreendemos e vemos como o que não compreendemos ou não vemos.

Quando a primeira lei hermética diz que este todo é "MENTE", ela nos diz que ele é fruto de uma Criação Mental e que ele é uma "MENTE VIVENTE INFINITA e UNIVERSAL". Nós vivemos e nos movemos dentro da natureza mental do universo. Sendo então a natureza do universo mental, a mente está na origem de todas as coisas.

O livro O Caibalion afirma que aquele que estudar este princípio universal poderá também aplicá-lo para dominar a sua própria realidade. O poder da mente agiria como uma "chave-mestra" que pode, portanto, "abrir as diversas portas do templo psíquico e mental do conhecimento" de modo que se alcance a illuminação, o domínio de si mesmo e consequentemente a felicidade.


O Princípio do Mentalismo e suas possíveis relações...


Na religião: Diz o Caibalion que "todo o mundo fenomenal ou do universo é simplesmente uma Criação Mental do TODO". O uso do termo Criação remete à ideia de um Deus universal, o grande arquiteto do universo, que, no Antigo Testamento, criou o mundo em 7 dias - a começar pelo verbo (mentalismo).

Assim, o Princípio do Mentalismo pode ser interpretado como uma visão inominada de um Deus criador, que está presente em todas as religiões, com diferentes nomes e vertentes. O Mentalismo, portanto, representa a essência da criação divina.

Dentre as religiões e doutrinas, o budismo é a que mais amplifica o princípio do mentalismo. Para os budistas, tudo é vivo e possui consciência. Além disso, a prática constante de meditação no budismo faz com que possamos desenvolver cada vez mais o poder da mente.

Na ciência: O mentalismo também está associado a física quântica e ao conceito de superposição coerente. De forma resumida, este conceito diz que somos partículas em constante movimento e que algo só existe em um único lugar estático porque nós o estamos vendo - ou seja, a partir da ação mental de um observador.

A partir de tal conceito, Stephen Hawking se perguntou: "A distinção (entre o real e o imaginário) está apenas em nossas mentes?".


Definição do Mentalismo em O Caibalion


"Este Princípio contém a verdade que Tudo é Mente. Explica que O TODO (que é a Realidade substancial que se oculta em todas as manifestações e aparências que conhecemos sob o nome de Universo Material, Fenômenos da Vida, Matéria, Energia, numa palavra, sob tudo o que tem aparência aos nossos sentidos materiais) é ESPÍRITO, é INCOGNOSCÍVEL e INDEFINÍVEL em si mesmo, mas pode ser considerado como uma MENTE VIVENTE INFINITA e UNIVERSAL. Ensina também que todo o mundo fenomenal ou universo é simplesmente uma Criação Mental do TODO, sujeita às Leis das Coisas criadas, e que o universo, como um todo, em suas partes ou unidades, tem sua existência na mente do TODO, em cuja Mente vivemos, movemos e temos a nossa existência. Este Princípio, estabelecendo a Natureza Mental do Universo, explica todos os fenômenos mentais e psíquicos que ocupam  grande parte da atenção pública, e que, sem tal explicação, seriam ininteligíveis e desafiariam o exame científico.

A compreensão deste Princípio hermético do Mentalismo habilita o indivíduo a abarcar prontamente as leis do Universo Mental e a aplicar o mesmo Princípio para a sua felicidade e adiantamento. O estudante hermetista ainda não sabe aplicar  inteligentemente a grande Lei Mental, apesar de empregá−la de maneira casual.

Com a Chave−Mestra em seu poder, o estudante poderá abrir as diversas portas do templo psíquico e mental do conhecimento e entrar por elas livre e inteligentemente. Este Princípio explica a verdadeira natureza da Força, da Energia e da Matéria, como e por que todas elas são subordinadas ao Domínio da Mente. Um velho Mestre hermético escreveu, há muito tempo: "Aquele que compreende a verdade da Natureza Mental do Universo está bem avançado no Caminho do Domínio." E estas palavras são tão verdadeiras hoje, como no tempo em que foram escritas. Sem esta Chave−Mestra, o Domínio é impossível, e o estudante baterá em vão nas diversas portas do Templo."



Um bate-papo com um Ser de outro 'lugar', de outro 'tempo' e de 'outra dimensão'.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page